O que fazemos

Equilíbrio e Alta Performance

Atinja o Equilíbrio e Alta Performance trabalhando cada uma das dimensões: física, mental, emocional e espiritual, desenvolvendo autoconhecimento, novos rituais/hábitos, transformando comportamentos.

Descoberta e Gestão de Carreira

Faça o que brilha os seus olhos, com paixão, utilizando seus maiores talentos e alinhado aos seus valores e propósito. Tome decisões conscientes e seguras com base no seu autoconhecimento e profunda análise e reflexão.

Desenvolvimento de Líderes e Equipes

Seja um líder inspirador e autêntico. Descubra o seu estilo de liderança, saiba como lidar com cada perfil e extrair o melhor da sua equipe para trazer resultados. Aprenda a desenvolver relações de confiança.

Assessments Trevo360

Ferramentas, testes e avaliações que podem ser trabalhadas em sessões pontuais para auxiliar no processo de autoconhecimento, desenvolvimento de inteligência emocional, carreira e liderança.

Blog

Depoimentos

Indico para todos o trabalho da Ana, pois foi a chave para uma grande mudança! Ter a oportunidade de me conhecer melhor está refletindo positivamente em minha vida pessoal e profissional. Hoje, utilizo ao meu favor os meus pontos fortes, em pequenas e grandes escolhas e em como eu distribuo a minha energia diária. A Ana é uma profissional extraordinária, dedicada e atenciosa, sua metodologia fez eu me aproximar de mim mesma, me tornando uma pessoa muito mais feliz e segura.

Larissa Sitta / Ref+
Foi o melhor investimento que fiz até hoje! Fico ansioso para chegar quinta-feira! A cada sessão me surpreendo mais com os resultados, que contribuem muito para meu desenvolvimento pessoal e profissional. É fantástico! Se tivesse 3 horas de sessão ficaria tranquilamente, conversando, aprendendo, ensinando! E olha que antigamente eu tinha preconceito com o processo de coaching, porque vemos diversos profissionais sem embasamento ou metodologia, mas a Ana Lu é ótima e uma profissional muito séria.
Tiago Viel / Telefônica

Trabalhar com a Ana Lu foi uma das melhores decisões que tomei na vida! Ela é uma pessoa extremamente empática, que faz você se sentir super confortável em poder se abrir sem medos ou receios. Super divertida e muito comprometida com o trabalho mostrando sempre brilho nos olhos. Ela compartilha as experiências contigo e vibra as suas vitórias e descobertas como se fossem as dela mesma. Ela faz das sessões um ambiente leve, mas também tem postura extremamente profissional.

Bianca Paixão / Deloitte

siga @Trevo360

Pesquisas realizadas pelo LinkedIn apontam que os colaboradores que passam mais tempo aprendendo no trabalho têm 47% menos chances de se estressarem, 39% mais chances de se sentirem produtivos e bem-sucedidos e 23% mais prontos para assumir responsabilidades adicionais.

A cultura de aprendizagem é aquela que apoia uma mentalidade aberta, uma busca independente por conhecimento e aprendizagem compartilhada voltada para a missão e os objetivos da organização (CEB, 2017). Segundo o relatório State of DevOps 2018, o clima para aprendizagem é um dos fatores que contribuem para o desempenho da entrega e equipes de sucesso, contribuindo ainda na atração e retenção de talentos, inovação, felicidade e engajamento. 

Para isso, é fundamental que o ambiente seja um lugar onde as pessoas podem errar, gerar novas ideias e explorar alternativas, sejam estimuladas pela curiosidade, e os líderes devem enfatizar a inovação, conhecimento com menos comando e controle.

#pracegover #pratodosverem imagem de três mulheres e um homem sentados em uma mesa de reunião. No canto inferior esquerdo um box com o texto: cultura de aprendizagem, colaboradores que passam mais tempo aprendendo no trabalho têm 47% menos chances de se estressarem, 39% mais chances de se sentirem produtivos e bem-sucedidos e 23% mais prontos para assumir responsabilidades adicionais. No canto superior direito está o @trevo360

#culturaorganizacional #culturadeqprendizagem #desenvolvimentohumano #desenvolvimentopessoal #altaperformance
Pesquisas realizadas pelo LinkedIn apontam que os colaboradores que passam mais tempo aprendendo no trabalho têm 47% menos chances de se estressarem, 39% mais chances de se sentirem produtivos e bem-sucedidos e 23% mais prontos para assumir responsabilidades adicionais. A cultura de aprendizagem é aquela que apoia uma mentalidade aberta, uma busca independente por conhecimento e aprendizagem compartilhada voltada para a missão e os objetivos da organização (CEB, 2017). Segundo o relatório State of DevOps 2018, o clima para aprendizagem é um dos fatores que contribuem para o desempenho da entrega e equipes de sucesso, contribuindo ainda na atração e retenção de talentos, inovação, felicidade e engajamento. Para isso, é fundamental que o ambiente seja um lugar onde as pessoas podem errar, gerar novas ideias e explorar alternativas, sejam estimuladas pela curiosidade, e os líderes devem enfatizar a inovação, conhecimento com menos comando e controle. #pracegover #pratodosverem imagem de três mulheres e um homem sentados em uma mesa de reunião. No canto inferior esquerdo um box com o texto: cultura de aprendizagem, colaboradores que passam mais tempo aprendendo no trabalho têm 47% menos chances de se estressarem, 39% mais chances de se sentirem produtivos e bem-sucedidos e 23% mais prontos para assumir responsabilidades adicionais. No canto superior direito está o @trevo360 #culturaorganizacional #culturadeqprendizagem #desenvolvimentohumano #desenvolvimentopessoal #altaperformance
Esse é um desafio ainda maior quando falamos de trabalho remoto. Muitas pessoas perceberam que estão trabalhando mais horas durante a pandemia do que o normal. É fundamental estabelecer limites e impor fronteiras entre o pessoal e profissional, mas para isso é preciso disciplina.

Se você é líder, é responsabilidade sua saber como a equipe está funcionando durante esse período, ainda mais trabalhando remotamente. É importante respeitar a carga horária e principalmente o bem-estar das pessoas para evitar sobrecarga ou danos na saúde mental com problemas relacionados ao estresse.

Vamos para as dicas!

1. Identifique hábitos e comportamentos que fazem você desperdiçar tempo. E verifique o email 2 ou 3x por DIA, em horários estratégicos para você, não várias vezes por HORA e após o expediente. 

2. Dependendo da sua demanda, aprenda a dizer “não” aos pedidos que não contribuem para o objetivo do seu trabalho. 

3. Finalize as reuniões na hora marcada. Pessoas bem-sucedidas na profissão respeitam seu tempo e o tempo das demais. 

4. Pare de enviar milhares de emails quando, muitas vezes, uma ligação resolveria; pegue o celular e ligue.

5. Trabalhe bastante, mas não se esgote, até para ser mais produtivo.

6. Tenha horário para iniciar e terminar o expediente, também para almoçar e tomar um café. 

7. Faça uma pausa. Pessoas bem sucedidas reconhecem quando estão improdutivas e quando precisam oscilar.

#pratodosverem #pracegover 
Imagem contém uma mulher branca sentada na cama, trabalhando com o notebook no colo, no canto inferior esquerdo há um box branco com a chamada: 7 dicas para estabelecer limites no trabalho. Já no canto superior direito, está o @trevo360. 

#trabalhoemcasa #trabalhoremoto #homeoffice #equilibrio #disciplina
Esse é um desafio ainda maior quando falamos de trabalho remoto. Muitas pessoas perceberam que estão trabalhando mais horas durante a pandemia do que o normal. É fundamental estabelecer limites e impor fronteiras entre o pessoal e profissional, mas para isso é preciso disciplina. Se você é líder, é responsabilidade sua saber como a equipe está funcionando durante esse período, ainda mais trabalhando remotamente. É importante respeitar a carga horária e principalmente o bem-estar das pessoas para evitar sobrecarga ou danos na saúde mental com problemas relacionados ao estresse. Vamos para as dicas! 1. Identifique hábitos e comportamentos que fazem você desperdiçar tempo. E verifique o email 2 ou 3x por DIA, em horários estratégicos para você, não várias vezes por HORA e após o expediente. 2. Dependendo da sua demanda, aprenda a dizer “não” aos pedidos que não contribuem para o objetivo do seu trabalho. 3. Finalize as reuniões na hora marcada. Pessoas bem-sucedidas na profissão respeitam seu tempo e o tempo das demais. 4. Pare de enviar milhares de emails quando, muitas vezes, uma ligação resolveria; pegue o celular e ligue. 5. Trabalhe bastante, mas não se esgote, até para ser mais produtivo. 6. Tenha horário para iniciar e terminar o expediente, também para almoçar e tomar um café. 7. Faça uma pausa. Pessoas bem sucedidas reconhecem quando estão improdutivas e quando precisam oscilar. #pratodosverem #pracegover Imagem contém uma mulher branca sentada na cama, trabalhando com o notebook no colo, no canto inferior esquerdo há um box branco com a chamada: 7 dicas para estabelecer limites no trabalho. Já no canto superior direito, está o @trevo360. #trabalhoemcasa #trabalhoremoto #homeoffice #equilibrio #disciplina
1. Preste atenção às expressões faciais 
Evite franzir a testa, olhar fixamente ou expressões que possam afetar a conversa. Você pode manter um leve sorriso e também levantar um pouco as sobrancelhas para mostrar envolvimento.

2. Evite ser multitarefa
Isso significa não checar seu celular ou olhar ao redor do espaço em que você está. Você deve estar focado na pessoa e interagir com ela constantemente.

3. Use o gestual das mãos
Isso passa percepção de entusiasmo. Evite ficar parado durante toda a reunião. Gestos simples podem ser usados para tornar a conversa mais natural, como se você estivesse falando pessoalmente.

4. Faça contato visual
Você precisa olhar para as pessoas com quem está falando e também diretamente para a câmera. O contato visual é muito importante quando você está tendo uma reunião “cara a cara”, então lembre-se de que você precisa mantê-lo. 

5. Mantenha a postura
Tente não se apoiar na mesa, cruzar os braços ou se recostar na cadeira para não parecer desinteressado. Em vez disso, tente sentar mais perto da borda de seu assento para parecer envolvido. 

6. Evite tocar no seu rosto (ou cabelo)
Por outro lado, levantar as sobrancelhas para mostrar interesse, balançar a cabeça quando concordar com o que a pessoa diz, mostrando que está ouvindo ativamente. Fazer anotações se necessário é uma boa sugestão.

7. Sorria
Mesmo que esteja com pessoas que você já conhece ou com um novo cliente ou funcionário, sorria ao cumprimentá-los. Isso contribuirá que a conversa seja mais positiva. Não sorria demais e nem de menos.

Lembre-se de agir como se estivesse cara a cara com as pessoas e não tratá-las como se fosse apenas mais uma reunião virtual.

#pratodosverem imagem de uma mulher branca trabalhando homeoffice, sentada no chão com o notebook a sua frente em cima de uma mesa. No canto inferior esquerdo há um box branco escrito: 7 dicas para melhorar sua linguagem corporal em reuniões virtuais, já no canto superior direito está o @trevo360 

#homeoffice #trabalhoemcasa #trabalhoremoto #emcasa #ficaadica #reuniões #produtividade
1. Preste atenção às expressões faciais Evite franzir a testa, olhar fixamente ou expressões que possam afetar a conversa. Você pode manter um leve sorriso e também levantar um pouco as sobrancelhas para mostrar envolvimento. 2. Evite ser multitarefa Isso significa não checar seu celular ou olhar ao redor do espaço em que você está. Você deve estar focado na pessoa e interagir com ela constantemente. 3. Use o gestual das mãos Isso passa percepção de entusiasmo. Evite ficar parado durante toda a reunião. Gestos simples podem ser usados para tornar a conversa mais natural, como se você estivesse falando pessoalmente. 4. Faça contato visual Você precisa olhar para as pessoas com quem está falando e também diretamente para a câmera. O contato visual é muito importante quando você está tendo uma reunião “cara a cara”, então lembre-se de que você precisa mantê-lo. 5. Mantenha a postura Tente não se apoiar na mesa, cruzar os braços ou se recostar na cadeira para não parecer desinteressado. Em vez disso, tente sentar mais perto da borda de seu assento para parecer envolvido. 6. Evite tocar no seu rosto (ou cabelo) Por outro lado, levantar as sobrancelhas para mostrar interesse, balançar a cabeça quando concordar com o que a pessoa diz, mostrando que está ouvindo ativamente. Fazer anotações se necessário é uma boa sugestão. 7. Sorria Mesmo que esteja com pessoas que você já conhece ou com um novo cliente ou funcionário, sorria ao cumprimentá-los. Isso contribuirá que a conversa seja mais positiva. Não sorria demais e nem de menos. Lembre-se de agir como se estivesse cara a cara com as pessoas e não tratá-las como se fosse apenas mais uma reunião virtual. #pratodosverem imagem de uma mulher branca trabalhando homeoffice, sentada no chão com o notebook a sua frente em cima de uma mesa. No canto inferior esquerdo há um box branco escrito: 7 dicas para melhorar sua linguagem corporal em reuniões virtuais, já no canto superior direito está o @trevo360 #homeoffice #trabalhoemcasa #trabalhoremoto #emcasa #ficaadica #reuniões #produtividade